Estilo Lima
Editor Chefe

Editor Chefe

A Associação Artístico Cultural Lua Cheia é uma entidade sem fins lucrativos. Seus projetos têm por objetivo o desenvolvimento e a promoção da cultural em geral, particularmente o teatro , a literatura, as artes plásticas e a música. Nestes segmentos busca capacitar e divulgar bens e serviços de ordem artístico-cultural.

Poetossíntese nº 11| 2002

Domingo, 15 Dezembro 2013 08:38

2002- Data: 06 Setembro de 2002. Vol. 11. Impressão: Fotocópia. Duas páginas. Formato: A4. Tiragem: 100 exemplares. Poetas:(Especial em comemoração ao 12° aniversário de fundação do G. Lua Cheia) Rosângela Ponciano e R. Leontino Filho. Artigos: Doce Canção-Jerusileide Sena e Faces e Fatos sobre o intercâmbio cultural com o grupo de teatro No Mundo da Lua-SP. Fotografias: Marciano Ponciano.

 

Para acessar a versão digital clique aqui.

Poetossíntese nº 12| 2002

Domingo, 15 Dezembro 2013 08:37

2002- Data: 13 de Setembro de 2002. Vol. 12. Impressão: Fotocópia. Duas páginas. Formato: A4. Tiragem: 100 exemplares. Poetas:(Especial em comemoração ao 12° aniversário de fundação do G. Lua Cheia) Marciano Ponciano e Manuel Lima. R. Leontino Filho e Raimundo Herculano de Moura. Artigos: O Teatro de Cada Dia-Marciano Ponciano e Faces e Fatos sobre a importância do espetáculo O Auto da Camisinha do autor José Mapurunga na divulgação do trabalho do Grupo Lua Cheia pelo Brasil.

 

Para acessar a versão digital acesse aqui.

Poetossíntese nº 13| 2002

Domingo, 15 Dezembro 2013 08:32

2002- Data: 27 de Setembro de 2002. Vol. 13. Impressão: Fotocópia. Duas páginas. Formato: A4. Tiragem: 100 exemplares. Poetas:(Especial em comemoração ao 12° aniversário de fundação do G. Lua Cheia) Socorro Carvalho, Domingos Sávio do Vale (1955-2001). R. Leontino Filho, Manuel Lima e Raimundo Herculano de Moura. Artigos: A Face das Artes- Edson Virginio e Faces e Fatos sobre intercâmbio realizado em Aracati com o Lume-SP. Fotografia: Marcos Aurélio Pacheco e Arquivo do Lume.

 

Para acessar a versão digital clique aqui.

Poetossíntese nº 14| 2004

Domingo, 15 Dezembro 2013 08:31

2004- Data: Agosto de 2004. Vol. 14. Impressão: Off-set. Duas páginas. Formato: A4. Tiragem: 3000 exemplares. Poetas: Marciano Ponciano, Raimundo Herculano de Moura, Mirella Costa, Marly Correia, Manuel Lima, R. Leontino Filho, Ocivan Moreira Carnaúba. Artigos: O Legado de Um Povo (sobre o Instituto do Museu Jaguaribano) e Faces das Artes (Segunda Edição).Fotografia: Marcos Aurélio Pacheco.

 

Para acessar a versão digital clique aqui.

Zezinho

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:06

Quando tudo parece sem sentido encontramos algo que nos dá um impulso . Mas quando o achar remete a situações embaraçosas? Nas suas andanças Zezinho encontra uma mala que tenta a todo custo dominar sem saber que se trata de uma mala mágica perdida, ou diríamos foragida, de seu dono. Ao descobrir o mistério Zezinho percebe que há uma boa recompensa para quem achar a dita mala. Neste ponto os dois irão travar um grande desafio... O que tiver achado estará perdido? Achado ou perdido?

 

Os bonecos são animados através da técnica "bunraku" (manipulação direta).

 

Terra do Já Teve

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:06

Expressão cotidiana, falada na feira, nas ruas, praças, velórios, festas, pelos cantos e recantos da cidade Aracati. Palavra que choca e descortina um passado de histórias adormecidas povoando existência e inexistência.

Palavra que traduz opressão.

Pro senhor da feira, pro bêbado na rua, dos velhinhos na praça, das senhoras chorando seus defuntos, da juventude... Cantos, desencantos: Terra do Já Teve.

O referido espetáculo fora montado a partir das vivências dos atores Marciano Ponciano e Erivando Braga com a dinâmica da rua. Naquela época, 1992, os espaços de teatro na cidade de Aracati, fecharam diálogo com os artistas da cidade em decorrência de uma ação inconsequente de um grupo de atores que trouxeram para a cidade de Aracati um teatro pornô. A crítica e a censura a produção teatral local viria a galope. Era necessário continuar a fazer teatro. Sem a caixa cênica o Grupo Lua Cheia ganhou as ruas no ano de 1992, para estrear a peça Terra do Já Teve. Foram dias difíceis e de grandes descobertas.

 

Tente, Invente, Venha Sorrir com a Gente

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:04

Humor lancinante, e jocoso. O espetáculo constituía uma espécie de vitrine em que fatos comuns ao cotidiano aracatiense eram relatados sempre satirizando os poderosos e políticos da cidade. O tempo do espetáculo é o do pós campanha política de 1992.

Cú-de-Cana, um bêbado que mora nas ruas da cidade é uma espécie de arauto e coringa do espetáculo. Ora apresentando ou interferindo nas cenas que vão se apresentando.

Tente, Invente, Venha Sorrir com a Gente foi encenado no auditório do Instituto São José no ano de 1992.

 

Show de Calouros do Beiçudo

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:03

Beiçudo é o âncora de um programa de calouros que conta com diversas participações. Sua partner Beiçola, é responsável pela produção e apresentação de produtos e comerciais bem como da criação da maioria dos problemas. Os calouros: Dona Sisí, Velho Batainha, Palhaço Caiporinha são as estrelas do show.

Muita trapalhada e diversão são a tônica do Show de Calouros do Beiçudo. O espetáculo, de teatro de bonecos de vara, constitui a segunda montagem do Grupo Lua Cheia de Teatro utilizando esta linguagem. O mesmo entrou em cartaz no ano de 1995 e seguiu temporada sendo o mesmo apresentado no Bairro de Fátima, Canoa Quebrada e na sede do município de Aracati.

 

Senhora do Rosário

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:02

A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Brancos foi palco para a encenação da esquete teatral Senhora do Rosário encenada pelo Grupo Lua Cheia de Teatro através dos atores Manuel Lima (foto) e Silvanise Ponciano. A esquete tratou da religiosidade do povo aracatiense e suas simbologias. A nave principal, o púlpito, o coro e o altar-mor foram espaços utilizados pelos atores. Os devotos de Nossa Senhora do Rosário assistiam com fervor o ato teatral interagindo com o espetáculo. Aracati-Ce. 1999.

 

Sagrações ao Meio

Sábado, 14 Dezembro 2013 21:01

Espetáculo ceno-poético a partir da obra Sagrações ao Meio do poeta aracatiense Raimundo Leontino Filho.

O mesmo foi encenado na Rua Grande, no ano de 1994.

 

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

iCagenda - Event List

Nenhum evento hoje!