Comentário do relatório

Antero Pereira está de parabéns por resgatar as estórias que perambulam em nosso imaginário, fazendo-nos ainda mais pertencentes à nossa terra!